Home»Opinião»Tome Nota da edição de segunda-feira, dia 8

Tome Nota da edição de segunda-feira, dia 8

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Logo cedo

O prefeito Walter Caveanha (PTB) foi votar na manhã deste domingo (7), por volta das 10 horas, numa das seções que funcionam na Feg (Fundação Educacional Guaçuana). Com o pé machucado, o prefeito não demorou muito para concluir seus votos e deixou o local rapidamente, após cumprimentar várias pessoas com quem encontrava. Walter deu seu apoio político para os deputados estadual Campos Machado e federal Nelson Marquezelli, ambos do PTB.

 

Aleatórios
Durante todo o dia deste domingo, chamou a atenção a quantidade de eleitores que buscou no chão o candidato em quem iria votar. Principalmente para os cargos de deputado federal, estadual e senadores. Sem disfarçar e sem nenhuma vergonha, os eleitores abaixavam e pegavam qualquer um dos milhares de ‘santinhos’ espalhados pelas ruas e levavam o papel para dentro da seção eleitoral votando, assim, nos candidatos ‘sorteados’ minutos antes.

 

Sujeira
Aliás, mesmo sendo ilegal, foi impressionante o número destes ‘santinhos’ espalhados pela cidade, principalmente na porta das escolas onde funcionam as seções eleitorais. A quantidade foi tanta que o maior receio de quem transitava por estas ruas era exatamente de escorregar nesses papéis. Fato que não era difícil de acontecer, porque idosos e crianças estavam a todo tempo transitando por estes trechos e, no fim da tarde deste domingo, choveu em Mogi Guaçu aumentando ainda mais os riscos de escorregões nestes papéis.

 

Desavisados

Na noite deste domingo, poucos eleitores foram até ao Cartório Eleitoral de Mogi Guaçu na expectativa de acompanhar a apuração em tempo real por meio do telão, mas, neste ano, a Justiça Eleitoral não disponibilizou o equipamento que sempre ficava do lado de fora do cartório. “Não vai ter telão aqui fora? Ah, que pena! A gente queria acompanhar os resultados”, lamentaram alguns eleitores que não não estavam bem informados. 

Post anterior

Virou rotina: Casal de idosos vai junto à seção eleitoral

Próximo post

Senadores têm maioria de brancos e nulos