Home»Opinião»Tome Nota da edição de sábado, dia 29

Tome Nota da edição de sábado, dia 29

0
Shares
Pinterest WhatsApp

Gosto amargo

A sugestão feita pelo vereador Guilherme de Sousa Campos, o Guilherme da Farmácia (PSD), para diminuir o recesso de julho não agradou a maioria dos colegas. Ele falou sobre o assunto na segunda-feira (24), que foi a última sessão antes do recesso e, na sequência, recebeu o apoio do presidente da Câmara, Rodrigo Falsetti (PTB). Aliás, Rodrigo confirmou que tem um projeto pronto desde o ano passado, quando começou a pensar na redução do recesso do meio do ano. Porém, a decisão não deve ter o aval da maioria dos vereadores. O vereador Luciano Firmino Vieira, o Luciano da Saúde (PP), foi um dos que demonstrou desinteresse sobre o assunto.

 

Visita apoio

O vice-prefeito Daniel Rossi (PR) fez questão de acompanhar o deputado federal Márcio Alvino (PR) na visita que ele fez a Mogi Guaçu. O deputado esteve na inauguração do novo Big Bom e depois cumpriu agenda no Hospital Municipal e também em Martinho Prado Júnior. O deputado fez questão de ressaltar que as conquistas foram feitas após muito trabalho e também por conta do empenho do vice-prefeito. Alvino entregou um aparelho de ultrassom e também uma ambulância, que foram comprados com recursos obtidos por meio de emenda parlamentar. Daniel, por sua vez, sai fortalecido, pois de quebra o deputado confirmou a obra dos viadutos.

 

Investimentos

O prefeito Walter Caveanha (PTB) não esconde de ninguém que a menina do seus olhos é a faculdade de medicina. Apesar do processo seletivo ainda não ter sido autorizado, o prefeito segue fazendo os investimentos necessários na Faculdade Municipal “Professor Franco Montoro”. Durante a visita do deputado Márcio Alvino ao HM, o prefeito ressaltou que o local também tem recebido investimentos. “Aqui, futuramente será nosso hospital-escola”, comentou com à Gazeta ao acompanhar do deputado numa rápida visita nas dependência do Hospital Municipal. Caveanha fez questão de mostrar as obras da futura unidade de radiologia do município e também das novas instalações da farmácia do HM.

 

Em agosto

O secretário de Obras e Viação, Salvador Francelli, confirmou que irá, sim, atender a convocação feita pelos vereadores. Ele deve comparecer ao plenário da Câmara Municipal, a fim de ser sabatinado pelos edis ainda em agosto. “É a minha Casa, não tenho motivos para não ir. Só não fui antes porque estava com outros compromissos”, comentou ao ser questionado sobre a convocação da Câmara. De fato, Salvador é o secretário que mais tem dado retorno aos vereadores independente se eles são da situação ou da oposição.

 

Previous post

Deputado diz que obra começa em julho

Next post

Após 20 anos, Associação Tupec acaba