Home»Opinião»Tome Nota da edição de sábado, dia 25

Tome Nota da edição de sábado, dia 25

0
Shares
Pinterest WhatsApp

Após o susto

O vereador Francisco Magela Inácio, o Chicão do Açougue (PSD), passou por um susto e se recupera em casa do infarto que sofreu no último domingo (19). Ele chegou a ficar internado na UTI do Hospital São Francisco e precisou passar por um cateterismo. O vereador fez questão de informar, por meio de sua rede social, sobre seu estado de saúde e agradeceu as mensagens recebidas. Chicão falou com a Gazeta e disse que já estava dando expediente na Câmara ontem (24) e confirmou sua presença na sessão da próxima segunda-feira (27).

 

Visita

O ex-vereador e ex-presidente da Câmara, Marcos Mesquita, acompanhou os trabalhos dos vereadores na última segunda-feira (20). Ele sentou na galeria do Legislativo e foi citado pelos vereadores. Mesquita mora na Espanha e veio a Mogi Guaçu visitar familiares. Não escondeu que gosta da política e diz que acompanha as notícias da cidade por meio do site da Gazeta. Mesquita, que também já foi secretário de Obras, disse estar assustado com a sujeira da cidade. “Está bem diferente do que eu vi no ano passado e andando pelas ruas ouvi muitas reclamações”, comentou.

 

Rumos

Toda vez que Mesquita visita à cidade ele precisa responder se tem intenção de voltar a disputar cargo público. E, desta vez, não foi diferente. Vereadores perguntaram abertamente, alguns em tom de brincadeira, se Mesquita tem pretensão de disputar uma vaga na eleição municipal de 2020. O ex-vereador, bem humorado, respondeu a todas as brincadeiras e perguntas e disse que não teria. Porém, não escondeu o amor pela política partidária e ao assistir à sessão da Câmara comentou sobre a saudade de quando ocupava uma cadeira no Legislativo. Mesquita confirmou que está filiado ao PSD.

 

Acima de tudo

O canteiro central do Parque Cidade Nova será novamente palco de manifestação. No domingo (26), às 10h00, apoiadores do presidente Jair Bolsonaro devem se reunir para uma carreata. Os manifestantes defendem a Reforma da Previdência e o pacote anticrime apresentado pelo governo. Não há uma estimativa para adesão ao movimento pró-Bolsonaro, mas a mobilização tem sido intensa nas redes sociais por meio de vídeos, muitos deles gravados por políticos apoiadores do governo. As manifestações estão previstas para acontecer em várias cidades do país.

Previous post

IV Corrida e Caminhada Unimed será neste domingo

Next post

Disciplina e rotina são fundamentais no cuidado da pele