Home»Opinião»Tome Nota da edição de sábado, dia 24

Tome Nota da edição de sábado, dia 24

0
Shares
Pinterest WhatsApp

Sabatina

O secretário de Obras e Viação, Salvador Franceli, estará na Câmara na próxima segunda-feira (26). Ele atende a uma convocação feita pelo vereador Fábio Aparecido Luduvirge Fileti (PSDB). No pedido de convocação, Fabinho diz que o secretário deverá responder a perguntas feitas a assuntos pertinentes a sua Pasta. Porém, alguns assuntos devem dominar a sabatina, como as obras em andamento no município e as que estão paralisadas. Outro assunto recorrente comentado entre os vereadores são os prazos que não são cumpridos pelo secretário.

 

Visita

O prefeito de Mogi Mirim, Carlos Nelson Bueno (PSDB), esteve em Engenheiro Coelho na última quarta-feira (21), no campus da Unasp. Ele atendeu a um convite feito pelo prefeito Pedro Franco de Oliveira para um evento com o vice-presidente, general Hamilton Mourão (PRTB). CNB foi um dos poucos políticos da região que tive contato direto com o vice-presidente. Outras autoridades esperaram por Mourão num amplo auditório, onde ele proferiu uma palestra. O prefeito de Mogi Guaçu, Walter Caveanha (PTB), foi representado pelo vice-prefeito, Daniel Rossi (PL).

 

Ops

O vereador Elias dos Santos, o Pastor Elias (PSC), voltou a arrancar risos dos colegas durante a sessão da Câmara da última segunda-feira (19). Pela segunda semana consecutiva, o vereador foi verificar suas mensagens no celular e foi surpreendido com o alto volume de um dos vídeos que foi ver. Pastor Elias foi surpreendido com o barulho e teve trabalho para desligar o vídeo. Sorte que ele não estava vendo os áudios que estão em alta momento, como “Neiva do Céu”, mas conseguir tirar riso dos colegas que divertiram-se com o susto do vereador.

 

Dúvida

O grupão da oposição continua se reunindo para discutir as eleições do ano que vem. Mas o principal desafio ainda está longe de ser definido: quem serão os candidatos que formarão a chapa para a disputa do Executivo? Uma ala defende que os escolhidos devem ser definidos por meio de pesquisa de intenção de voto e outra que aposta no novo, ou seja, de que candidatos novatos seriam a melhor opção. Mas outro desafio está sendo driblar o desejo de políticos conhecidos da cidade que gostariam de novamente disputar o cargo máximo da Prefeitura.

Previous post

Mogi Mirim: Sarampo é confirmado em criança

Next post

Sarampo: Mogi Guaçu tem quatro casos suspeitos