Home»Opinião»Tome Nota da edição de sábado, dia 24

Tome Nota da edição de sábado, dia 24

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Contraditório

O vereador Francisco Inácio Magela, o Chicão do Açougue (PSD), divulgou um vídeo nas redes sociais no qual aparece em meio aos alagamentos no Jardim Santa Terezinha, na quinta-feira (22). Nas mãos, Chicão segura várias indicações que fez ao Governo Municipal pedindo melhorias no bairro que poderiam evitar essa situação de alagamentos quando a chuva é mais volumosa. Mas a postura de Chicão fez com que alguns vereadores o questionassem.

 

Falta um
 “Se o Chicão tivesse assinado o pedido para que o Projeto de Lei que pede respostas dos secretários municipais às nossas indicações em até 45 dias, agora ele teria o que dizer de fato aos moradores do Jardim Santa Terezinha”, alegaram alguns vereadores. O Projeto de Lei é de autoria do vereador Natalino Tony Silva (Rede) e ainda não foi votado pelo plenário porque são necessárias oito assinaturas e, por enquanto, Natalino conseguiu apenas sete.

 

Perto do fim

Mesmo estando quieto no cenário político local, o ex-prefeito Hélio Miachon Bueno (MDB) não se livrou de alguns problemas e poderá ter que devolver mais de R$ 2 milhões aos cofres públicos municipais antes mesmo do que imagina. Um dos processos movidos contra ele já está em vias de decisão judicial. Neste caso, o processo em questão envolve a multinacional International Paper e foi movido pelo advogado José Martini Neto.

 

Vigília
2018 sequer terminou e já tem lideranças políticas da cidade de olho no título eleitoral do prefeito de Mogi Mirim, Carlos Nelson Bueno (PSDB). E o motivo é simples: estão atentos a sua possível transferência de domicílio eleitoral. Isso porque, caso Carlos Nelson realmente queira disputar as eleições para prefeito de Mogi Guaçu, em 2020, seu título eleitoral tem que estar registrado no Cartório de Mogi Guaçu até outubro de 2019. Ou seja, um ano antes das eleições municipais como determina a legislação eleitoral.

Post anterior

A promissora e preferida Avenida Mogi Mirim

Próximo post

Noeland: a magia do Natal