Home»Opinião»Tome Nota da edição de sábado, dia 14

Tome Nota da edição de sábado, dia 14

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Cautelosa

A presidente do PSDB de Mogi Guaçu, Maria Otília Papa, não está com tanta pressa para deixar o partido como vem sendo dito aos quatro cantos da cidade. Embora ela admita que seu candidato a deputado estadual é Barros Munhoz, agora filiado ao PSB, Otília frisa que ainda vai aguardar os próximos meses para definir seu rumo político. Para ela, ainda é necessário que o próprio PSDB apare algumas arestas dentro do partido em âmbito estadual.

 

Nova vaga
No entanto, enquanto Otília espera para tomar decisões, nova especulação toma conta dos corredores da Prefeitura. Quem irá ocupar o lugar dela no comando da Saama (Secretaria de Agricultura, Abastecimento e Meio Ambiente). Otília também não fala sobre assunto, mas a pergunta agora é: quem irá assumir o lugar dela, já que tudo indica que Otília deixará o cargo em junho para trabalhar na campanha à reeleição do deputado estadual Barros Munhoz?

 

Na mesma mesa

O vereador Guilherme de Sousa Campos, o Guilherme da Farmácia (PSD), foi visto conversando com o secretário municipal de Administração, Luís Bueno Ávila, numa lanchonete da cidade. Junto a eles, também estavam o assessor de Guilherme, Ademar Balduíno de Carvalho, o Tigrão; e o vereador Natalino Toni Silva (Rede Sustentabilidade). O encontro entre eles levantou alguns rumores, principalmente por causa de Guilherme que é oposição ao Governo Municipal.

 

Segue o baile
Questionado sobre a proximidade com o secretário de Administração, o vereador Guilherme admitiu que estavam, sim, tomando um café juntos, mas trataram apenas de assuntos informais. “Sou oposição ao Governo Municipal e vou continuar sendo até o último dia de meu mandato. Nada muda minha postura. O fato de eu conversar com os secretários não significa que esteja tentando me aproximar da Administração Municipal”, rebateu Guilherme.

Post anterior

Gyoza

Próximo post

Editorial: Aprovação sob pressão