Home»Opinião»Tome Nota da edição de sábado, dia 10

Tome Nota da edição de sábado, dia 10

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Ver para crer

E quando o assunto é especular os futuros candidatos a prefeito nas eleições de 2020 ainda têm pessoas que não acreditam que o ex-prefeito Paulo Eduardo de Barros, o Dr. Paulinho (PHS), não será mais candidato. Mesmo o próprio ex-prefeito confirmando para a imprensa, familiares e amigos que estará fora do páreo na próxima eleição municipal, há líderes de partidos políticos na cidade que faz questão de frisar sua descrença na decisão de Dr. Paulinho. “Só acredito, vendo”.

 

Menos ataques

O presidente do PT de Mogi Guaçu, Alceu Kemp, o Galo, está aliviado pelo partido não ter sede própria em Mogi Guaçu. Isso porque, se assim fosse, ele acredita que certamente o prédio teria sido alvo de pichações como forma de ataque a imagem do Partido dos Trabalhadores. Fato que, inclusive, aconteceu em Mogi Mirim na sede do partido que foi pichado até com o símbolo da suástica.  

 

Pessoalmente
O vereador Guilherme de Sousa Campos, o Guilherme da Farmácia (PSD), foi taxativo em trechos de seu discurso na tribuna da Câmara Municipal. “Nunca vi a cidade tão suja e tão largada como está agora. Não sei se é descaso da Administração Municipal”. No entanto, nas galerias da Casa, estava presente o encarregado de serviços da SSM (Secretaria de Serviços Municipais), José Maria Fagundes, que ouviu todas as queixas, tim-tim por tim-tim.

 

Desvios de verbas
A prefeita de Estiva Gerbi, Cláudia Botelho (PMDB), convocou a imprensa para uma coletiva em seu gabinete, na próxima quarta-feira (14). Na pauta estão várias denúncias que ela fará sobre a antiga gestão no Departamento de Saúde de Estiva. Cláudia irá mostrar documentos que constam do inquérito civil e, mais uma vez, promete tirar o sono dos ex-gestores de Estiva Gerbi.

Post anterior

Febre amarela: Mogi Guaçu não adota dose fracionada

Próximo post

Confira a programação de Carnaval de Mogi e Itapira