Home»Cidade»Terminal: Feag investe R$ 100 mil na troca de telhado

Terminal: Feag investe R$ 100 mil na troca de telhado

As reclamações sobre goteiras eram feitas pelos comerciantes do local; serviço deve terminar na próxima semana

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Ao longo dos últimos anos, não foram poucas as queixas sobre as goteiras no telhado do Terminal Rodoviário Urbano do Parque dos Ingás. Os locatários enfrentaram dias difíceis e se queixavam da falta de melhoria. E sempre surgia o impasse de que a reforma do telhado deveria partir da Prefeitura. Mas o presidente da Feag (Federação das Entidades Assistenciais Guaçuanas), José Roberto Panciera, o Tomé, decidiu colocar ponto final no problema e realizou a troca de 100% do telhado.

A administração do terminal foi dada em concessão pela Prefeitura à Feag. É a instituição que se beneficia com os aluguéis pagos pelos locatários dos boxes. “Faz dois anos que retornei à presidência da Feag e passei o primeiro ano inteiro ouvindo reclamações sobre o terminal. De fato, a Prefeitura deveria ter nos passado o local em melhores condições, mas já que isso não aconteceu é preciso resolver. Por isso, trocamos todo o telhado”, justifica Tomé.

telhado ingasO presidente da Feag conta que havia sete tipos diferentes de telhas compondo o telhado do terminal, o que justificaria tantas goteiras. Além disso, os rufos e calhas não comportavam o volume de água, o que potencializa o problema. Com isto, os rufos e calhas foram trocados e as saídas de água ampliadas. O serviço foi iniciado em maio e deve ser concluído na próxima semana. “Os comerciantes reclamavam e tinham suas razões”, comenta Tomé relatando que as condições do telhado, de fato, eram ruins. Foram colocadas telhas metálicas na cor cerâmica.

Tomé conta que também instalou câmeras de monitoramento no terminal, além de sistema de alarme reforçando a segurança dos boxes. “Tenho mais um ano à frente da Feag. Não sei se consigo, mas o meu desejo é o de colocar o piso no terminal”, adianta. A administração do terminal segue sendo da Cia do Imóvel.

Post anterior

Dia das Crianças: contação de Histórias na Biblioteca

Próximo post

Emef será fechada e pode abrigar o Sesc