Home»Destaque na Home»Tailândia oficializa sua pré-candidatura para prefeito

Tailândia oficializa sua pré-candidatura para prefeito

Sem anunciar o nome do seu pré-candidato a vice, o ex-vereador torna-se o 3º pré-candidato a prefeito em 2020

0
Shares
Pinterest WhatsApp

Faltando praticamente 10 meses para o dia das eleições municipais, em outubro do ano que vem, o ex-vereador Alexandro de Araújo, o Alex Tailândia (Republicanos), oficializou, nesta semana, sua pré-candidatura a prefeito de Mogi Guaçu.

Ainda sem definição de quem será seu futuro candidato a vice-prefeito, Alex confirmou que já possui um grupo de coordenação de trabalho que busca agregar cidadãos que queiram apoiar sua pré-candidatura a prefeito e que ajudem a dar ‘corpo’ à pré-campanha. “Já estamos trabalhando para fortalecer nosso grupo, tenho total apoio da Executiva Estadual do Republicanos e vamos agregar pessoas que queiram para a cidade a mesma renovação política que eu também quero”, pontuou Alex.

Quanto à definição do nome de seu futuro candidato a vice, Alex Tailândia foi cauteloso ao dizer que a escolha será baseada, principalmente, na renovação. “Ainda não definimos o pré-candidato a vice e não vou me precipitar. Minha busca é por alguém que também queira ajudar a construir uma Mogi Guaçu diferente desta que temos aí”.

Essa será a segunda vez que Alex irá disputar a Prefeitura de Mogi Guaçu. A primeira vez foi em 2016, quando ele obteve 10.210 votos e perdeu as eleições para o prefeito Walter Caveanha (PTB). À época, Alex também era vereador de Mogi Guaçu e o principal oposicionista ao governo de Caveanha, que disputava a reeleição.

Depois, em 2018, Alex voltou a colocar seu nome numa disputa eleitoral, mas, desta vez, para o cargo de deputado federal, também pelo PRB. Na ocasião, ele obteve 15.052 votos e ficou em 13º lugar dentre os candidatos a deputado federal que disputaram pelo PRB em nível nacional.

O ex-vereador não nega que pensou seriamente em não disputar as eleições municipais de 2020. No entanto, ele justifica sua decisão de entrar na disputa por causa do atual cenário político que se desenha na cidade.

Para Alex, este é o momento ideal das novas lideranças mostrarem trabalho e conhecimento sobre as carências que Mogi Guaçu apresenta. “Eu afirmo que faço parte da renovação política. A cidade está há anos e anos sendo governada pelos mesmos políticos e, nas eleições do ano que vem, teremos a melhor oportunidade para mostrar nosso trabalho e preocupação em mudar Mogi Guaçu transformando nossa cidade num município melhor do que este que temos hoje”, explicou.

Alex ainda acrescenta que sentiu a cobrança de parte da população para que entrasse na disputa pela Prefeitura. “Quer incentivo melhor do que este que vem da própria população? Acabei aceitando mais este desafio”.

O ex-vereador também ressaltou que não abrirá mão de sua pretensão para ser o futuro candidato a vice-prefeito de outros políticos. “Não tenho nenhum problema em somar com outros pré-candidatos, mas, neste momento, minha decisão é por ser mesmo o pré-candidato a prefeito”.

Alex Tailândia considera que seu trabalho como vereador, durante o mandato de 2013-2016, é o principal trampolim político que o impulsiona para a disputa majoritária. “Fiz meu papel como vereador e cumpri minha função ao fiscalizar o uso do dinheiro público e as ações do Poder Executivo. Foi para isso que fui eleito vereador, em 2013, e tenho a sensação de dever cumprido”, concluiu Alex Tailândia.

Com o anúncio de Alex como pré-candidato a prefeito de Mogi Guaçu, a cidade passa a ter – por enquanto – três pré-candidatos oficiais ao cargo majoritário. Além dele, já confirmaram suas pré-candidaturas para prefeito o presidente da Câmara, Rodrigo Falsetti (PTB), e o professor Edson Domingues (Podemos). O ex-vice-prefeito, Marçal Georges Damião (SD), e o vice-prefeito, Daniel Rossi (PL), já confirmaram a intenção de disputar a Prefeitura, mas ainda não anunciaram as pré-candidaturas.

Previous post

Líder e vice-líder do Grupo C se enfrentam neste domingo

Next post

Editorial: Enfim, a Nico Lanzi