Home»Cidade»SAÚDE: Confirmados casos de febre amarela e chikungunya

SAÚDE: Confirmados casos de febre amarela e chikungunya

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Da Redação

Resultados dos exames realizados nos laboratórios do Instituto Adolfo Lutz e divulgados pela VE (Vigilância Epidemiológica) no relatório desta semana confirmam que uma moradora de Mogi Guaçu teve febre amarela e outras três pessoas tiveram chikungunya. Todos já receberam alta. As informações foram divulgadas no final da tarde desta sexta-feira (10) pela assessoria de imprensa da Prefeitura.

O caso positivo de febre amarela é importado, o que significa que a paciente, uma mulher de 19 anos, foi infectada em outro município. A notificação de caso suspeito de febre amarela foi feita pelo Hospital da Beneficência Portuguesa, onde estava internada, no dia 26 de fevereiro.

vacina_febre_amarela

Os moradores soropositivos para chikungunya são uma mulher de 41 anos, um homem de 26 anos, pacientes da Santa Casa, e uma adolescente de 10 anos atendida na UBS do Jardim Ypê Pinheiro. As respectivas notificações foram feitas em 15 de fevereiro, 2 de abril e 3 de julho.

O vírus da febre amarela é transmitido, em áreas de mata, pela picada dos mosquitos Haemagogus e Sabethes, de hábitos estritamente silvestres. No ciclo urbano, o vetor é o Aedes aegypti, que também transmite os vírus de dengue, zika e chikungunya.

 

Post anterior

Cidade tem cinco pré-candidatos a deputado estadual e federal

Próximo post

Estudante da Feg recebe quarta medalha de ouro na OBMEP