Home»Destaque na Home»Salvador diz que resolverá alagamentos

Salvador diz que resolverá alagamentos

Grupo de moradores dos Jardins Santa Cecília, Santa Terezinha I e II e Canaã esteve na Câmara para pedir solução

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Os constantes alagamentos enfrentados pelos moradores dos Jardins Santa Cecília, Santa Terezinha I e II e Canaã é um problema antigo, mas tem data para acabar ou pelo menos ser minimizado. Pelo menos essa foi a boa notícia que foi dada pelo secretário de Obras e Viação, Salvador Franceli, aos moradores e aos vereadores na quarta-feira (10), durante sessão da Câmara.

Um grupo de moradores procurou pelos vereadores após mais um caso de alagamento ser registrado nos bairros no último final de semana. Segundo eles, o prejuízo é material e emocional, pois toda vez que chove o medo se instala devido aos sucessivos episódios de alagamentos. “Se o tempo fecha já ficamos com medo de nossas casas serem alagadas e isso vem de muitos anos. Precisamos de ajuda”, comentou um morador.

O secretário de Obras e Viação aceitou o convite dos vereadores e também participou da reunião com os moradores. Ele explicou o que será feito naquela região para resolver ou amenizar o problema do alagamento, principalmente nos Jardim Santa Cecília e Terezinha I. “Estivemos fazendo um trabalho de limpeza nos bairros e no canal do Canaã para aumentar a vazão depois dos alagamentos de novembro. Estive nos bairros hoje (quarta) e até terça (16) ou quarta (17) terei pronto o estudo para fazer uma obra lá”, comentou.

salvador franceli sessao de camara moradores canaa alagamentoDe acordo com Salvador, a intenção é instalar extravasor de água, popularmente conhecido como ladrão, nas Ruas Vereador Valério Cruz e Antonio Butan Batoni, além de uma nova tubulação que pode chegar até 1.500 mm nas proximidades da creche existente no Jardim Vitória. “Um tubo só não está aguentando, então, vamos colocar uma segunda linha e uma galeria nova até a Lagoa do Chula. Vamos diminuir a água que vai para o canal”, explicou.

Os moradores disseram que já observaram que o extravasor existente não funciona. “A gente já viu o canal quase transbordando e a tubulação que tem está alta e não resolve”. Salvador reforçou que esse extravasor está realmente alto e foi feito de forma errada na Administração passada. “Mas não estamos aqui para procurar culpados. Nós temos que resolver o problema”, pontuou.

Segundo o secretário, uma licitação será aberta para a compra de material e a previsão é de que a obra tenha início dentro de 60 dias. “Vamos arrebentar o que tem lá e aumentar o diâmetro dos extravasores. Vou ter que fazer licitação para comprar tubulação. Serão de 100 a 150 metros de obra. Vamos contratar empresa ou nós mesmos vamos fazer”, garantiu aos moradores.

Os vereadores cobraram que, desta vez, a obra seja de fato feita e que os moradores possam ter tranquilidade. “O secretário assumiu um compromisso com os moradores para que novos fatos não aconteçam e nós vamos cobrar”, ressaltou o presidente da Câmara, Rodrigo Falsetti (PTB).

 sessao de camara moradores canaa alagamento

Desespero

Os moradores relataram aos vereadores e ao secretário de Obras os problemas enfrentados durante os alagamentos. Para eles, o lixo e entulhos deixados sobre as calçadas podem ter contribuído com o problema, mas somente uma obra poderá resolver a situação. “Minha casa foi invadida no sábado e no domingo e o tanto de barata e fezes que saíram pelos ralos. Foi desesperador. Eu não aguento mais”, relatou emocionada a moradora Itamar Domingues de Oliveira Belleza, que já teve a casa invadida quatro vezes no Santa Cecília.

Post anterior

Combate à dengue: cidade já registra mais de 500 casos

Próximo post

Equipe da ADI conquista quatro medalhas em Piracicaba