Home»Destaque na Home»Rastreamento: Setor tem crescimento de 85%

Rastreamento: Setor tem crescimento de 85%

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

 O presidente do Conseg (Conselho Comunitário de Segurança), Adriano Aparecido da Mata, aponta o crescimento do serviço de monitoramento e rastreamento com uma ocorrência bem sucedida que terminou com a recuperação de um caminhão furtado no bairro rural do Itaqui. O motorista ladrão também foi preso.

Após descarregar a carga de tomate, o caminhoneiro estacionou o veículo pelo bairro rural e voltou para casa, nas imediações das Chácaras Alvorada. Ao retornar por volta das 04h30 percebeu que o veículo tinha sido levado.

Cerca de cinco horas depois, o veículo foi encontrado por policiais na cidade de São Paulo. O sucesso da ocorrência, segundo Adriano da Mata, se deve a imediata comunicação e ao trabalho da polícia em averiguar.

A localização foi possível por meio de dois sistemas. O primeiro foi buscar o sinal que o rastreador do veículo emitia e checar com o radar eletrônico das rodovias. O caminhão tinha trafegado pela Rodovia Bandeirantes.

caminhao produto roubo

Adriano da Mata contou que no último ano, na cidade de Mogi Guaçu, analisando uma empresa do ramo, o crescimento pela instalação do rastreador cresceu 85%. O primeiro motivo é que as empresas usam o equipamento para monitorar a rota do funcionário e, segundo, pela possibilidade de recuperação do veículo em caso de furto ou roubo.

Ele cita um levantamento da maior empresa de monitoramento do Brasil ao apontar que a cada 10 veículos roubados/furtados com rastreadores, nove são recuperados ainda intactos. A ocorrência foi registrada no último dia 19 de março.

 

 

 

 

 

Post anterior

Autoridades definem policiamento para a ExpoGuaçu

Próximo post

Quinteto Almbra Brasileira se apresenta no Tupec