Home»Destaque na Home»PT de Mogi Guaçu diz que é hora de fazer um barulhão

PT de Mogi Guaçu diz que é hora de fazer um barulhão

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

O PT de Mogi Guaçu lamentou a permanência do ex-presidente Lula na prisão e admitiu que já vivia a expectativa de sua soltura. “Não sabíamos quando e nem o quê de fato iria acontecer, mas sabíamos que algo ia surgir em breve para tentar reverter essa situação”, contou o presidente do PT guaçuano, Alceu Kemp, o Galo.

Desde a 1ª decisão na manhã deste domingo (10), quando o TRF-4 decidiu pela libertação de Lula, a Executiva Municipal do PT guaçuano começou a acompanhar o vai e vem entre o próprio Judiciário. “Depois das duas tentativas deste domingo, sem êxito, só tivemos que lamentar. A Justiça deste jeito que está aí podemos esperar tudo. Ou nada vai mudar, ou tudo pode mudar”, observou Kemp.

O presidente do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, desembargador federal Carlos Eduardo Thompson Flores Lenz, determinou neste domingo de manhã que o ex-presidente Lula fosse solto. Depois precisou recuar e determinou que continuasse preso e que o processo retornasse ao relator dos da Lava Jato, desembargador federal João Pedro Gebran Neto.

Para Kemp, o momento pede a manifestação de parte da população que seja favorável à soltura de Lula. O presidente do PT local diz que não se pode limitar quaisquer protestos somente aos petistas. “É hora de todos que apoiam a futura candidatura de Lula irem para as ruas e se manifestarem. Não sou a favor de ficarmos fazendo barulinhos pontuais. Sou a favor de nos manifestarmos para fazer um barulhão”, pontuou o presidente petista frisando que todo momento é momento. “As lideranças políticas sabem que o Lula vence as eleições se ele for candidato à Presidência da República. Este é o problema para eles”, alfinetou Kemp, que está há 30 anos à frente do PT.

Marcelo Samuel da Costa terá lançamento de sua pré-campanha a deputado, este mês
Marcelo Samuel da Costa terá lançamento de sua pré-campanha a deputado

De qualquer forma, ele garante que a Executiva Nacional do PT irá registrar a candidatura de Lula na Justiça Eleitoral no próximo dia 15 de agosto. “Dai vamos aguardar a decisão do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) para saber se haverá ou não o deferimento desse registro. Sem candidato à Presidência o PT não irá ficar”, assegurou Kemp.

Neste sábado (7), a Executiva Municipal do PT se reuniu para discutir as estratégias da campanha eleitoral que irá nortear o pré-candidato a deputado estadual Marcelo Samuel da Costa. “Discutimos a futura campanha e traçamos algumas estratégias. O Marcelo irá fazer ‘dobradinha política’ com o deputado federal Arlindo Chinaglia, que também irá disputar a reeleição. O Marcelo é o novo. É o diferente. Vamos trabalhar muito bem sua futura candidatura a deputado estadual”, comentou Kemp.

O PT de Mogi Guaçu irá se reunir novamente no próximo dia 21 para definir a data de lançamento da pré-candidatura de Marcelo a deputado estadual. “Não negamos que também estamos visando às eleições municipais de 2020, mas neste momento o foco é divulgar o plano de governo do nosso candidato para deputado estadual pela sigla”, concluiu.

Post anterior

Homem desaparecido é encontrado morto em Martinho Prado

Próximo post

Curtas: atropelamentos, operação bloqueio, roubo e acidente