Home»Política»PSB de Mogi Guaçu não comenta filiação de Barros Munhoz

PSB de Mogi Guaçu não comenta filiação de Barros Munhoz

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

A presidente do PSB de Mogi Guaçu, Irene Delfino da Silva, evitou falar sobre a filiação do deputado estadual Barros Munhoz ao Partido Socialista Brasileiro. Procurada pela Gazeta, nesta sexta-feira (6), ela desconversou. “Depois a gente conversa sobre isso”.

Conforme já havia sido cogitado desde a semana passada, ao deixar o PSDB, o deputado estadual Barros Munhoz filiou-se ao PSB, na quarta-feira (4), na Alesp (Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo). “Com muita humildade e gratidão eu deixei um partido que amo. Deixei companheiros fantásticos, mas foi uma questão de coerência. O que vale nessa vida é a lealdade, é o compromisso e a honradez. É o cumprimento da palavra”, frisou Munhoz em alusão ao motivo que o levou a deixar o PSDB: a pré-candidatura do então prefeito de São Paulo, João Dória, ao Governo do Estado descumprindo, assim, a promessa que fez aos paulistanos de permanecer os quatro anos da gestão à frente da Prefeitura.

Na solenidade de filiação de Barros Munhoz ao PSB, a presidente do PSDB de Mogi Guaçu, Maria Otília Papa, também estava presente e reforçou seu compromisso político de ter Munhoz como seu candidato a deputado estadual nas eleições deste ano. “Mesmo ele estando fora do PSDB, ele segue sendo o meu candidato a deputado estadual. Vou trabalhar na campanha dele para que ele consiga se reeleger. Isso chama-se lealdade”, pontuou Otília.

barros munhoz filiacaoEla disse que ainda permanece filiada ao PSDB, mas não descarta a possibilidade de também deixar a sigla e filiar-se a outro partido. “Ainda não decidi nada sobre isto. Mas, certamente, até junho eu já terei uma definição sobre este assunto”. Na filiação de Barros Munhoz ao PSB, outros deputados também estavam presentes, além de prefeitos, vereadores, militantes e autoridades diversas bem como o presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira.

Na ocasião, o então vice-governador Márcio França (PSB) também passou ao prefeito de Campinas, Jonas Donizete, a presidência estadual do PSB. Ao fim do evento, Barros Munhoz declarou seu apoio político à pré-candidatura de Márcio França a governador do Estado. “Sempre admirei o Márcio França, desde que o conheci. Acompanhei sua carreira, suas votações astronômicas, sua forma de trabalhar de forma séria e correta. Eu estou na política por vocação, não é um negócio, não é um meio de enriquecimento nem satisfação de vaidade. É pela nobre arte de servir, de dar de si para que haja menos diferenças nesse país. Meus 42 anos de política não me fizeram desanimar, estou confiando em você, Márcio França, por ser uma pessoa leal, que não mente e não enrola”, finalizou o deputado. (MDT – Com informações da assessoria de imprensa do deputado Barros Munhoz)

Post anterior

Equipe de atletismo é campeã no Jori Estadual

Próximo post

Morador do Jacira é esfaqueado por vizinho