Home»Cidade»Promoção Social fará vistoria sobre denúncias de casas desocupadas

Promoção Social fará vistoria sobre denúncias de casas desocupadas

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

A Secretaria de Promoção Social segue recebendo denúncias sobre casas desocupadas no Parque Residencial Ypê Amarelo. Há sete imóveis para passarem por vistoria, segundo informou a responsável pela Pasta, Mariana Martini, atentando que o trabalho é ininterrupto. Afinal, os imóveis são financiados com recursos do Programa Minha Casa, Minha Vida do Governo Federal. A Gazeta tem recebido fotos enviadas por moradores dos imóveis supostamente vazios. 

Ano passado, no início do ano, os problemas de desocupação e invasão de casas afloraram no bairro. Ou seja, à medida que famílias tinham conhecimento de casas vazias, elas invadiam o imóvel sob a justificativa de não terem onde morar. Houve caso de a pessoa entrar na residência até mesmo com os móveis do morador anterior. À época, 19 imóveis chegaram a ser invadidos.

Após a vistoria da equipe de Promoção Social constata que o imóvel está desocupado, o caso é encaminhado para a CEF (Caixa Econômica Federal). Este ano, por exemplo, há seis desocupados, além de outros sete que passarão pela vistoria.

ipe amareloMariana adiantou que, desde as primeiras constatações de desocupação, dois imóveis ganharam novos moradores. Isto porque, os proprietários anteriores fizeram o distrato junto à CEF, ou seja, abriram mão do imóvel. Com isto, o imóvel é repassado a outra família do cadastro da habitação da Promoção Social.

O Ypê Amarelo foi inaugurado em 27 de janeiro de 2017, e conta com 1.400 moradias populares. O programa atraiu mais de 10 mil inscritos e pré-selecionou 5.169 candidatos.

Post anterior

Dengue: Total de casos chega a 237

Próximo post

Hermínio Bueno: Morador reivindica sinalização de solo