Home»Cidade»Nico Lanzi: velocidade será monitorada por radares

Nico Lanzi: velocidade será monitorada por radares

Pavimentação do primeiro trecho será iniciado na próxima semana; segundo trecho está em fase de relocação de tubos

0
Shares
Pinterest WhatsApp

Toda a extensão da Avenida Nico Lanzi será monitorada por radar. A via tem 2 quilômetros de extensão e os equipamentos devem ser instalados a cada 500 metros. O limite de velocidade na via será de 50km por hora. Antes a velocidade permitida era de 60km por hora, mas diante do estádio crítico do asfalto não havia riscos de os motoristas atingirem altas velocidades.

O secretário de Obras e Viação, Salvador Franceli, disse existir esta preocupação com acidentes e, portanto, não vê outra forma de evitar problemas. “Já vou licitar a compra destes radares”, adianta. Além de nova pavimentação, a via ficará mais larga, com 9,50 metros, sendo que esta medida chegará a 10,40 metros considerando o trecho de uma guia a outra.

obras nico lanziA pavimentação do primeiro trecho das obras da Avenida Nico Lanzi começa na próxima semana. A colocação de guias e sarjetas já estava quase concluída na última sexta-feira (31), quando o movimento de máquinas era intenso também no outro trecho, onde estão sendo realizados os trabalhos de relocação das tubulações de água e esgoto. Ou seja, o mesmo serviço que foi realizado no primeiro trecho e visa evitar a quebra do asfalto porque a tubulação passará a margear a via e não passará mais sob a pavimentação.

Franceli esclarece que, neste segundo trecho, a equipe deparou-se com um trecho difícil de ser escavado. “É um solo semelhante a uma rocha que os equipamentos não estão conseguindo perfurar”, disse explicando que houve uma transformação geológica da argila que praticamente virou uma rocha. O secretário adianta que será feita tentativa com o uso do chamado ponteiro de demolição. Caso esta tentativa não dê certo, haverá necessidade de uso de explosivos.

As obras na Nico Lanzi foram iniciadas no mês de março e podem se estender por até seis meses. O valor do contrato é de pouco mais de R$ 3,5 milhões.

 obras nico lanzi

TUBOS

Está marcada para o início desse mês a licitação, na modalidade pregão, para compra de 140 metros de tubo de concreto armado que serão utilizados na galeria de águas pluviais que cruza a Nico Lanzi. A troca da tubulação se faz necessária porque o material era antigo e estava desgastado.

Previous post

Vereador pede reunião para tratar sobre falta de médicos

Next post

Nova diretoria do Conseg toma posse na Câmara