Home»Polícia»Mecânico agride a mãe e é preso pela Lei Maria da Penha

Mecânico agride a mãe e é preso pela Lei Maria da Penha

1
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Os guardas municipais Edson e Justino foram acionados na noite de sábado (19) até uma residência no jardim Almira onde uma mulher cadeirante havia sido agredida pelo filho e estava sendo ameaçada de morte. O mecânico Luiz Afonso Braganholi, 35, chegou embriagado à residência da mãe e a ameaçando. Ele chegou a dar um tapa no rosto de dona Clarice, de 62 anos e disse que iria atear fogo na casa.

Luiz Afonso Preso Maria da Penha Bateu na Mãe

Quando os guardas chegaram, o gás da cozinha ainda estava vazando e os guardas é quem desligaram para evitar uma explosão. Essa não foi a primeira vez que o mecânico ameaça e agride a mãe. Aos guardas, ele não se mostrou arrependido

O cunhado Alexandre Siqueira, 38, também foi ameaçado e teve o muro da casa danificado por Luiz Afonso Braganholi. Os guardas também contaram com apoio da Polícia Militar na ocorrência. O agressor da própria mãe foi preso em flagrante pelo delegado de polícia Álvaro de Andrade Júnior.

Post anterior

Músico itapirense morre ao bater em ônibus

Próximo post

GAZETA, 22 de setembro de 2015