Home»Cidade»Matança de gatos assusta moradores do Jardim Samira

Matança de gatos assusta moradores do Jardim Samira

3
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Quem tem gatos de estimação à Rua João Marquesi, no Jardim Samira, tem de contrariar o instinto dos animais e deixá-los presos. Isto porque, a matança de gatos não é uma questão esporádica. Os animais são envenenados. Como não há como provar quem seja o responsável, os moradores nunca registram B. O. (Boletim de Ocorrência).

Mas, na semana passada, a morte de mais um gato foi postada em uma rede social. Uma mensagem também foi enviada à Gazeta solicitando que a situação fosse relatada e, desta forma, quem sabe inibisse o autor destas mortes. Com medo, os moradores também pediram para não serem identificados pela reportagem, mas contaram que há anos sofrem com este problema.

A gata que morreu na última quarta-feira (24) não era da proprietária da casa em que foi encontrada. A moradora deduz que o animal seja do bairro, foi envenenado e entrou na residência já agonizando. “Toda vez que acontece é muito triste. E não é som gato não, eu perdi um cachorro também”, recorda uma das moradoras.

Gatos Matança Jd SamiraProprietária de um gato, ela conta que mantém o bichinho preso dentro da casa porque teme que saia pela rua e tenha o mesmo destino dos demais. “Ele adora tomar sol, subir na árvore, mas não deixo ficar aqui, na frente de casa”, diz, frisando saber que está contrariando o instinto do animal. Esta foi solução encontrada por outras proprietárias de gatos na região: castrar os gatos e mantê-los dentro de casa.

Editor's Rating

87
0 User ratings
87%
Post anterior

Urbanização do Córrego dos Macacos é próxima etapa

Próximo post

Vandalismo: invasores furtam pré-escola