Home»Cidade»Mais uma vez, construção de creche para

Mais uma vez, construção de creche para

Na próxima semana, Franceli vai ao FNDE, em Brasília (DF), para tratar do assunto; órgão suspendeu repasse

0
Shares
Pinterest WhatsApp

Há dois meses está parada a construção da creche do Jardim Chaparral. A obra já passou por várias suspensões desde o início, há sete anos. Desta vez, a informação é de que o trabalho parou porque o FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação), órgão do Ministério da Educação, suspendeu os repasses. Com isto, sem receber, a empreiteira parou o trabalho e aguarda por posicionamento. Na próxima terça-feira (23), o secretário de Obras e Viação, Salvador Franceli, irá a Brasília (DF) tratar da pendência junto ao órgão federal.

Segundo Franceli, ele tem audiência marcada com a equipe de engenharia do FNDE para verificar o que está acontecendo, portanto, qual o motivo das suspensões do repasse. “Não tem mais o quê fazer. Colocamos todo o recurso próprio previsto, por isso, a empresa ainda não tinha parado. Agora, eles não repassam e, com isto, não temos como pagar pelo serviço que já fizeram. Devemos mais de R$ 200 mil”, detalha. Em recursos próprios, o investimento é de R$ 519 mil. Para evitar depredação do imóvel, há vigias 24 horas no local. Os profissionais estão sendo pagos pela empreiteira, a Construelo Projetos e Construção.

Ainda de acordo com Franceli, apesar de a creche estar praticamente concluída, o município não pode investir mais nada no local porque corre o risco de ter de devolver ao FNDE o valor total da obra, que é orçada em mais de R$ 1 milhão. “É uma pendência que precisamos resolver porque restam apenas detalhes para entrega da obra”, diz. O secretário avalia que poderia investir os R$ 246 mil restantes a partir da certeza de que pode repor o valor com o repasse do FNDE.  

creche guacu mirimAno passado, a obra teve aditivo contratual de prazo de até 120 dias. À época, houve imbróglio com a instalação da cobertura do pátio e da caixa d´água. Nesta ocasião, Franceli afirmou que o FNDE havia aprovado o procedimento. A construção da creche foi reiniciada em dezembro de 2017, após quase um ano de paralisação. Isto depois de novo processo de licitação, sendo o serviço orçado em R$ 765 mil.

 

MAIS

Mas a creche do Jardim Chaparral não é a única em construção no Município, e com problemas. A unidade do Jardim Guaçu Mirim também foi iniciada em 2012 e parou por várias vezes. Atualmente, a construção, em fase de acabamento, está tomada por mato.

Todavia, Franceli garante que a licitação está prestes a ser realizada. O contrato de construção desta unidade foi rescindido ano passado porque a empresa não estava cumprindo com os prazos. A obra é orçada em R$ 1,8 milhão.

Quanto a outras duas unidades, ambas paralisadas em fase inicial de obras, uma no Jardim Hermínio Bueno e outra no Jardim Zaniboni, Franceli atesta que há novidades. “Do Hermínio Bueno está resolvido, o FNDE vai liberar o recurso”, pontua atentando que espera o mesmo desfecho para a unidade do Zaniboni. Ambas foram iniciadas ano passado.

creche zaniboni

creche herminio bueno

Previous post

Guaçu Snakes vence São Carlos Bulldogs pelo Paulista

Next post

Tome Nota da edição de quinta, dia 18