Home»Destaque na Home»Jovem morre após usar tíner em churrasqueira

Jovem morre após usar tíner em churrasqueira

Euller morreu na Santa Casa após sete dias internado; acidente ocorreu em uma funilaria

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

O morador do Jardim Esplanada, Euller Moreira do Nascimento, 19, morreu na manhã desta sexta-feira (21) vítima de queimaduras provocadas por uma explosão em uma churrasqueira. O jovem estava internado na Santa Casa de Mogi Guaçu desde o início da tarde do último dia 14, quando o acidente aconteceu. De acordo com o Boletim de Ocorrência, a Guarda Civil Municipal foi chamada ao hospital onde uma vítima de queimaduras havia acabado de dar entrada em estado grave. Com isso, os guardas civis apuraram que Nascimento estava em seu local de trabalho, uma funilaria localizada no Jardim Novo II, quando ele e os colegas resolveram fazer um churrasco.

Euller morreu queimadoO jovem teria utilizado tíner para acender a churrasqueira, momento em que o fogo se expandiu até o frasco que estava em sua mão, espalhando as chamas por todo o seu corpo. O jovem foi socorrido até a Santa Casa, onde ficou sete dias internado. No entanto, ele não resistiu aos ferimentos e morreu às 5 horas da manhã desta última sexta.

A Guarda Civil Municipal solicitou o trabalho da perícia na oficina onde o acidente aconteceu. O caso foi registrado como autolesão, na Central de Polícia Judiciária (CPJ). O corpo do jovem foi sepultado no final da tarde desta sexta-feira no Cemitério Santo Antônio.

Post anterior

Morador de rua é 5ª vítima do ano; casal é preso

Próximo post

Artigo: Moro encrencado