Home»Política»Estiva Gerbi investe em reforço no ensino municipal

Estiva Gerbi investe em reforço no ensino municipal

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Em Estiva Gerbi, o Departamento de Educação iniciou esta semana a mudança na grade curricular das escolas de período integral da rede municipal de ensino.

Algumas oficinas foram trocadas pelo reforço escolar nas áreas de Português e Matemática, além de reforço na área de leitura e interpretação de textos.

O projeto de reforço escolar em Língua Portuguesa e Matemática, justificam-se pela importância de ser um instrumento de apoio didático e pedagógico para suprir dificuldades de aprendizagem relacionadas aos conteúdos de leitura e escrita, além das operações matemáticas.

 

“No dia a dia da sala de aula nem sempre é possível trabalhar individualmente as dificuldades dos alunos. O reforço escolar é capaz de propiciar um ensino mais direcionado e condizente com suas habilidades e permite um controle muito mais eficiente do desempenho de cada aluno”, explicou a prefeita de Estiva, Cláudia Botelho (MDB).

visita guarda

Guarda Municipal

Na quinta-feira (6), cerca de 25 alunos da rede municipal de ensino participaram de atividades na sede da Guarda Civil Municipal de Estiva Gerbi. A prefeita também esteve presente acompanhada do Diretor da Guarda, Juvenal Corrêa, e do Comandante, Tadeu Horta.

As atividades são extensões das aulas de Ética e Cidadania que são oferecidas no currículo da escola de período integral, ministradas pelas GCM’s Juliana e Joyce.

visita guarda prefeita.

Os alunos receberam um café da manhã, logo após conheceram as dependências da Guarda Civil e participaram do treinamento com os cães do canil da corporação.

A prefeita Cláudia Botelho destacou a importância desse contato direto com as forças de segurança do Município com o objetivo de incentivar e conscientizar as crianças sobre o comportamento de cada um na sociedade.
“Pela primeira vez na história da Guarda Municipal trazemos os alunos para conhecerem a sede e toda a rotina para que, com isso, elas possam evitar futuramente que o mundo do crime venha influenciá-las”, explicou a prefeita.

 

 

 

 

Post anterior

Atropelado, incêndio, furto, lesão corporal, ato infracional, e receptação

Próximo post

Transporte coletivo: Empresa pede tarifa de R$ 6,60