Home»Em Destaque»Estela e Fabiana

Estela e Fabiana

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

A parceria deu tão certo que os frutos já estão sendo colhidos. Estela Dalva Caetano Cerruti e Fabiana Costa Franceli se uniram há um ano e da união surgiu a Estela Fabiana Consultancy. Em entrevista ao Em Destaque, elas contam um pouco sobre a trajetória profissional.

Quando iniciou as atividades da empresa?
A empresa iniciou suas atividades em janeiro de 2018 após o sucesso do primeiro workshop apresentado na cidade 100% em inglês.

Em um ano de trabalho, qual foi o maior desafio?
O maior e mais prazeroso desafio foi lançar nossa marca. É muito gratificante saber que nossos clientes são atendidos pela Estela Fabiana Consultancy. Não temos um marca renomada para nos representar, nós somos esta marca.

Qual é a importância da língua inglesa nos dias atuais?
A língua inglesa é imprescindível nos dias atuais, pois a globalização faz com que se torne algo fundamental. O inglês é a língua internacional, a língua dos estudos, das viagens, dos negócios, a língua da comunicação com todo o mundo. No mercado de trabalho, o inglês virou atributo essencial para a conquista da maioria das vagas de nível universitário. Quantas vezes você já ouviu alguém dizer: “perdi a oportunidade, pois não sei inglês”. Pois é, mesmo que o candidato não vá utilizar o inglês ou vá utilizar muito pouco em seu novo emprego, somente o fato de saber inglês, já é um diferencial em seu currículo. Pesquisas salariais revelam que o salário de uma pessoa que tem um segundo idioma é de 30% a mais em relação ao salário de outra que tenha apenas um idioma. Apesar de haver muitos profissionais com inglês no currículo, a maioria se enquadra no nível básico para o intermediário, portanto ter fluência nesta língua ainda é um diferencial bastante competitivo para conseguir postos mais altos. Por isso, se você quer entrar no mercado de trabalho e ganhar bem, dedique-se a aprender o inglês ou outra língua estrangeira. Não existem métodos milagrosos nem escolas excepcionais que o tornarão num “expert” em inglês em pouco tempo. Na realidade, é um estudo longo que dependerá apenas de seu esforço e vontade de querer aprender cada vez mais. Minha dica é utilizar diferentes métodos para estudar outro idioma, como filmes, músicas e livros que sejam de seu interesse, ou seja, algo que você goste e que dê prazer em estudar, pois somente uma sala de aula com livro didático e um professor, apesar de extremamente necessários, não é o suficiente.

O que o público pode esperar para o próximo ano?
Somos uma marca flexível com aulas diferenciadas, pois não dependemos de um método nem de um cronograma, portanto nossos clientes podem esperar um serviço customizado e qualificado seja para alfabetização, conversação, preparação para certificação internacional, aulas Business que este ano inauguramos a área de Logística, consultoria e também intercâmbio.

Vocês inovaram com a realização dos workshops, esse projeto continuará em 2019?
Nosso desejo é que no final de 2019 isso aconteça, mas, neste momento, estamos focadas em outros compromissos; entre eles apresentações em empresas e treinamentos que é a grande demanda e não descartamos a possibilidade dos workshops.

Qual é o projeto destinado para os professores, empresas e universitários?
Temos um projeto apresentado para cada modalidade. O professor de inglês deveria ter além do domínio do idioma (oral e escrito) e sólida formação pedagógica com aprofundamento em linguística aplicada. Em número reduzido, temos profissionais bem formados dentro do perfil ideal. No entanto, dois grandes grupos de profissionais, que não se enquadram nesse perfil, compõem os dois extremos do conjunto de professores- de um lado, instrutores com fluência oral adquirida através de intercâmbios culturais ou outro tipo de experiência no exterior e sem formação pedagógica; do outro lado, profissionais egressos de cursos de Letras (que lhes proporcionaram poucas oportunidades de aprender o idioma) e precária formação pedagógica. Quanto às empresas e cursos universitários nosso foco é oferecer um serviço que vá de encontro com a real necessidade de cada um. Não dá para imaginar um estudante universitário sem inglês enfrentando uma entrevista em uma empresa multinacional, ou um funcionário que almeje uma promoção ou mesmo chances de trabalhar no exterior sem o domínio do idioma. É essa nossa proposta, oferecer tais condições dentro de em um trabalho customizado.

Fotos: Fabrício Leme de Morais

Post anterior

Moto Store

Próximo post

Torta Camafeu