Home»Destaque na Home»Equipes da “Maria Diva” estão na final da Liga de Handebol estadual

Equipes da “Maria Diva” estão na final da Liga de Handebol estadual

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

As quatros equipes do projeto de handebol da Emef “Profª Maria Diva Franco de Oliveira”, coordenado pelo professor Vicente Bortoloci Ferreira, que disputam a LHESP (Liga de Handebol do Estado de São Paulo), terminaram a 1ª fase com excelentes resultados, sendo que três equipes irão disputar as finais na Série Ouro e uma na Prata. Na classificação final as categorias Mirim Feminino e Masculino terminaram em 2º lugar (Série Ouro), o Infantil Masculino, em 1º lugar (Série Ouro) e o Cadete Masculino disputará a Série Prata.

No domingo (17), as equipes Mirim Feminino e Masculino encerraram sua participação na primeira fase jogando contra as equipes de Indaiatuba em sua cidade. No Mirim Feminino, as equipes Secretaria Educação/Mogi-Guaçu 21 x 6 Indaiatuba e, no Masculino, Secretaria Educação/Mogi-Guaçu 31 x 10 Indaiatuba. Na categoria Mirim Feminino, jogaram Letícia, Betina, Lorena, Gabriela, Vitória, Grazielly, Lívia, Kennia, Maria Eduarda Contessoto e Maria Eduarda Cypriano. Já no masculino, jogaram: Pedro, Gabriel, João Gabriel, Teo, Bruno, Giovane, Lucas, Kelvyn, Iohan e Carlos.

Handebol
A equipe do Infantil Masculino, que irá participar da Iª Copa Internacional de Balonmano, na Colômbia, em Medelín, já garantiu vaga na final da LHESP terminando em 1º lugar, nesta primeira fase, já como preparação para a ida a Medelín. Pais, atletas, direção da escola, alguns professores, coordenadora do setor de Educação Física da Secretaria Municipal de Educação continuam empenhados em arrecadar fundos para a viagem à Colômbia através de várias ações, como pedágio, bingo, jantar dançante e barracas de comes e bebes nos jogos. “Todos juntos para podermos atingir este objetivo”, comentou o coordenador e técnico da equipe, professor Vicente Ferreira.

 

 

 

 

Post anterior

Coleta de galhos e entulho está atrasada

Próximo post

PM aponta riscos no trânsito e pede cautela