Home»Em Destaque»Dia da Policial Militar Feminina e Festas Juninas

Dia da Policial Militar Feminina e Festas Juninas

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Nesta semana, gostaria de comentar dois assuntos: o dia da policial militar feminina e passar algumas dicas de segurança para a população que irá frequentar as festas juninas. Em 12 de maio de 1955, sob o decreto nº 24548, institui-se na Guarda Civil de São Paulo o corpo de Policiamento Especial Feminino e, na mesma data, a Dra. Hilda Macedo tornou-se a primeira comandante do Policiamento Especial Feminino.
Estava criada, assim, a primeira Polícia Feminina do Brasil, pioneira também na América Latina, sendo-lhe atribuídas as missões que melhor se ajustavam ao trabalho feminino conforme as necessidades sociais da época: a proteção de mulheres e jovens. Em 26 de maio do mesmo ano, publicou-se o Decreto nº 24587, o qual relacionava os requisitos para o ingresso no Corpo Especial. Dentre as 50 candidatas, 12 foram selecionadas para a Escola de Polícia para um curso intensivo de 180 dias. As 12 mulheres escolhidas e sua Comandante foram chamadas “as 13 mais corajosas de 1955”. 
No ano de 2001, dia 1º de fevereiro, o então Governador do Estado, Geraldo Alckmin, criou no âmbito institucional o dia do “Policial Militar Feminino” com o intuito de não se perder um fato significativo na História do Brasil e na bela trajetória da Polícia e no Estado de São Paulo. O dia 12 de maio foi definido de acordo com a Lei 11249 de 2002, que foi projeto de lei do então deputado Cabo Wilson.
Felizmente, hoje o 26º BPM/I conta com 26 mulheres em seu quadro, as quais exercem múltiplas funções. Para se ter uma ideia da importância do papel da mulher dentro da Polícia Militar, a Cel PM Audilene Rosa de Paula Dias Rocha assumiu recentemente o Comando Geral da Polícia Militar do Estado do Paraná, pela primeira vez na história de 164 anos daquela polícia. Num mundo onde as mulheres ganham em média cerca de 24% menos que os homens para exercerem a mesma atividade, na Polícia Militar, as mulheres ganham o mesmo salário dos homens, sendo uma das únicas profissões do mundo a permitir esta equiparação.
Parabéns a todas as policiais militares femininas!
Com o início das festas juninas, gostaria de deixar alguns lembretes acerca da segurança: Não incentive nem solte balões: eles provocam incêndios urbanos e florestais, além de ser crime; cuidado com os fogos de artifícios, não os segure com as mãos e, sim, prenda-os em uma estrutura fixa e segura que não permita que os fogos se voltem contra as pessoas ao redor e não permita que crianças manuseiem qualquer tipo de fogos de artifícios e em alguns casos, somente com supervisão de um adulto; as fogueiras não devem ser acesas próximo a redes elétricas e devem usar pouca madeira, para evitar chamas de grande intensidade.
Nessas tradicionais festas que atraem muitas pessoas todos os anos, com um público de todas as idades, a presença nas festas juninas exige uma maior atenção no que tange à segurança pessoal de cada um. Para que a festa não se transforme em dor de cabeça, elenco algumas dicas de segurança para toda a família:
1) Use o menos possível e de forma discreta os aparelhos celulares, guardando-os em local seguro, como por exemplo no bolso da frente da calça ou bermuda, ao invés de colocá-lo no bolso de traseiro.
2) Evite abrir constantemente bolsas ou carteiras demonstrando possuir grande quantidade de dinheiro em espécie.
3) Use cartões de crédito se for possível.
4) Não carregue carteira ou dinheiro no bolso de trás da calça ou bermuda.
5) Evite portar objetos de valor como relógios, joias ou eletrônicos.
6) Oriente os filhos a procurar um policial, caso ele fique perdido.
7) Evite transitar ou trafegar em ruas ou praças mal iluminadas.
8) Se perceber que está sendo seguido, entre em algum estabelecimento comercial ou atravesse a rua.
Mais uma vez coloco-me a disposição da comunidade para eventuais contatos para sugestões, críticas e outras demandas.

Foto: Divulgação

Post anterior

Temperaturas caem neste final de semana

Próximo post

Maria Eduarda