Home»Destaque na Home»Curtas: furto de lingerie, PMs evitam suicídio e fuga de hospital

Curtas: furto de lingerie, PMs evitam suicídio e fuga de hospital

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Procurado Capturado

Na noite de segunda-feira (12), os policiais militares Alberto e Caroline foram averiguar uma informação que chegou por meio do Disque Denúncia (181), de que um foragido estaria morando no Jardim Suécia II. No local encontraram Moisés Jeremias Américo Júnior, 30 anos, que tem contra si um mandado de prisão no Banco Nacional de Mandados, emitido em setembro de 2017. O crime praticado é de roubo, pelo município de Artur Nogueira. Em sua defesa, Júnior disse que o primo praticou o roubo em 2007 e deu seu nome como comparsa. Além desse crime do qual é acusado, Júnior tem antecedentes por repasse de nota falsa (dinheiro) e uso de entorpecente, pelo estado do Rio de Janeiro.

 

PMs evitam suicídio

Policiais militares estavam em uma operação pelo Residencial Ypê Amarelo, onde apreenderam uma arma e munições (leia a matéria completa no site), quando um homem de 30 anos viu as viaturas e pediu ajuda. Era por volta das 19h30 da segunda-feira (12) e ele havia discutido com a esposa e a irmã. Em seguida, a mulher de 43 anos entrou para a residência e ingeriu vários tipos de medicamentos. O marido disse que percebeu quando ela começou a passar mal e, sem ter como socorrê-la, viu as viaturas e pediu ajuda. Ela foi levada ao Posto de Pronto Atendimento e permaneceu em observação.

 

Furto de calcinha e sutiã

A vendedora de uma loja de roupas íntimas estava sozinha atendendo uma cliente, na tarde de segunda-feira (12), quando percebeu uma mulher entrar na loja e levar um conjunto de lingerie, no valor de R$ 71. Os guardas Anselmo e Lucas patrulhavam a região central e foram informados da característica da mulher. Conhecida por ser usuária de entorpecente, os guardas foram até a Vila Paraíso, em um ponto de concentração de usuários de drogas e a encontraram. Ana Maria Rosa, 58 anos, já tinha trocado a peça com uma mulher no Terminal de Ônibus, no Parque dos Ingás. Disse que trocou porque precisava de dinheiro para comprar cola específica para dentadura. No terminal, a mulher não foi localizada e, nesse meio tempo, uma funcionária do local foi até a loja e disse ter encontrado a peça e devolveu. Mas também não foi encontrada. A ocorrência foi apresentada ao delegado Alexandre Henrique Leme Silva que prender Ana Maria por furto.

 

Criança é retirada do Hospital

Guardas civis foram acionados até o Hospital São Francisco, na madrugada de domingo (11) para registrar a fuga de um casal com uma criança que estava internada. O médioc neurologista Matheus Del Fabro relatou que há cerca de 15 dias, um menino de 1 ano e 4 meses, precisou passar por uma cirurgia na cabeça devido uma queda. E que foi levado novamente ao hospital por ter caído novamente. O médico pediu novos exames e como a criança estava agitada solicitou a internação até que se acalmasse, mas os responsáveis fugiram do local levando o menino.

Post anterior

GCM apreende apetrechos usados no tráfico

Próximo post

Polícia Ambiental resgata aves em Estiva Gerbi