Home»Destaque na Home»Curtas: assalto, tráfico de drogas, acidente de trânsito e lesão corporal

Curtas: assalto, tráfico de drogas, acidente de trânsito e lesão corporal

0
Shares
Pinterest WhatsApp

Amarrado

Um adolescente, 17, ficou abalado após ter sido vítima de assalto na noite desta quarta-feira (24). Ele relatou a Polícia Militar que as 21h00 estava em um ponto de ônibus próximo a Escola Estadual Luiz Martini quando foi abordado por dois homens morenos que vestiam bermudas e camisetas, sendo que um deles usava boné e estava armado com uma faca. A dupla de assaltantes levou o adolescente até uma mata localizada na Rua Rita Aparecida Rodrigues, no Jardim Murilo. No local, a vítima teve as roupas arrancadas e foi deixado apenas de cueca. Além disso, ele teve as mãos e os pés amarrados. Os ladrões fugiram em seguida levando celular, relógio e uma mochila. O adolescente começou a gritar por socorro e vizinhos chamaram a Polícia Militar que soltou o rapaz e o encaminhou para atendimento médico.

 Tráfico de drogas

Dois jovens, um de 25 e outro de 19 anos, foram levados ao plantão policial na noite desta quarta-feira (24) pela Polícia Militar que flagrou a dupla em atitude suspeita no Jardim São José. De acordo com o Boletim de Ocorrência da PM, os dois jovens estavam na rua próximos a um carro de cor escura que fugiu em alta velocidade quando percebeu a presença da viatura. Os dois suspeitos foram abordados e com eles havia R$112 e três pinos de cocaína. No plantão policial, eles contaram que iam usar a droga que tinha sido comprada de uma terceira pessoa. Após o BO, a dupla foi liberada.

 Bateu de frente

Um ciclista, 37, sofreu ferimentos leves após bater de frente com um carro na Avenida Emília Marchi Martini, no Jardim Almira, na noite desta quarta-feira (24). O aposentado que dirigia uma Ford/Pampa contou a Polícia Militar que por volta das 20h45 seguia pela avenida no sentido Centro e quando chegou à ponte da linha férrea um ciclista entrou na contramão, colidindo de frente com seu carro. De imediato, o aposentado chamou o Samu e a PM. A vítima foi socorrida ao Hospital Municipal “Dr. Tabajara Ramos”, onde ficou hospitalizada. Já o aposentando foi liberado em seguida por estar com todos os documentos do carro em dia.

Prendeu o braço

Um motorista de ônibus, 62, levou um susto na tarde desta quarta-feira (24) ao presenciar um menino de apenas três anos prender o braço na porta do coletivo. Ele relata no Boletim de Ocorrência da Guarda Civil Municipal que trafegava pela Avenida Bandeirantes no sentido Centro, sendo que  próximo ao asilo parou o ônibus em um ponto para passageiros desceram do veículo. Assim que fechou a porta ouviu gritos das pessoas pedindo para a porta ser aberta novamente. Isso porque, a criança tinha prendido o braço. A mãe da vítima, uma dona de casa, conta que o filho estava agitado dentro do ônibus, tentando abrir as janelas e quando a porta foi aberta ele esticou o braço provocando o acidente. O motorista socorreu mãe e filho ao Hospital Municipal “Dr. Tabajara Ramos”.

Previous post

Rodrigo e Luciano pedem verbas para a Santa Casa

Next post

Fabinho participa de audiência com presidente do TJ