Home»Cidade»Correios: CDD tem 16 carteiros em greve

Correios: CDD tem 16 carteiros em greve

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Dos 43 carteiros do CDD (Centro de Distribuição Domiciliar) dos Correios, em Mogi Guaçu, 16 aderiram à greve por tempo indeterminado. Com isto, segundo informações apuradas pela Gazeta, a entrega de correspondência está suspensa, sendo realizada somente a entrega de Sedex. A paralisação foi iniciada no dia 20 de setembro.

Os carteiros que aderiram à greve comentam que o trabalho está difícil para quem não aderiu à paralisação, pois o serviço está ficando acumulado. No entanto, dizem que seguirão firme com o propósito de lutarem pelos direitos, pois temem pela privatização do serviço.

correios greve

Através da assessoria de imprensa, os Correios informaram que não procede a informação de correspondências paradas. “Para minimizar os impactos à população, os Correios já iniciaram o Plano de Continuidade de Negócios, que inclui ações como deslocamento de empregados entre as unidades, apoio de pessoal administrativo, mutirões, entre outros”.

Os clientes devem se dirigir à unidade dos Correios somente no caso de recebimento do Aviso de Chegada, que é um formulário com instruções para retirada do objeto postal no horário e endereço especificado.

 

Nesta segunda-feira (2), 85,56% dos empregados (92.898) estão trabalhando normalmente em todo o país. Desde a última sexta-feira (29), mais de 1.200 empregados retornaram aos seus postos de trabalho. No interior do Estado de São Paulo, 87,79% do efetivo está trabalhando nesta segunda-feira (2) – o que equivale a 9.775 empregados.

Em todo o Brasil, a rede de atendimento está aberta e todos os serviços, inclusive o Sedex e o PAC, continuam disponíveis. Apenas os serviços com hora marcada (Sedex 10, Sedex 12, Sedex Hoje, Disque Coleta e Logística Reversa Domiciliária) estão suspensos.

Post anterior

Concurso: aprovados aguardam contratações

Próximo post

Lavrador é flagrado por guardas civis carregando TV