Home»Conta Tudo»Conta Tudo de sábado, dia 22

Conta Tudo de sábado, dia 22

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Políticos querendo ser vistos e outros tentando sair do mapa. Além disso, segue a busca desenfreada pelos cargos de primeiro escalão. Acompanhe os bastidores.

Conta Tudo

O vereador Jéferson Luís tem dado sinais de que vai estar mais presente na mídia para divulgar seus feitos e suas conquistas, principalmente depois de ter sido o vereador mais votado nas últimas eleições. No período final do ano para requerer recursos junto aos parlamentares em Brasília, ele comemorou uma emenda de R$ 300 mil, que disse ter conseguido para a área da Saúde Pública, a fim de comprar duas ambulâncias com UTI. A viagem parece ter rendido.

Conta Tudo

E engana-se quem pensa que o vereador de mais de 2 mil votos quis todos os louros só para ele. Gravou um vídeo junto com o colega de Câmara, Luciano da Saúde, para postagem em redes sociais dividindo a conquista obtida na Capital Federal. Pelo que se percebe, Jéferson Luís deve continuar valendo-se de seu poder de negociação para quebrar o gelo que ainda existe no grupo de que dá apoio à Administração Municipal.

Conta Tudo

Prova disso é que a Presidência da Câmara pode cair no colo do vereador Zanco da Farmácia justamente para evitar que Jéferson ocupe a cadeira – algo que ele não esconde ter em mente. Com uma aparente falta de vontade de Thomaz Caveanha em voltar a assumir a função e o receio de evitar que os vereadores da oposição passem a sonhar com a ideia, Zanco seria o que tem para o momento, uma vez que ainda não há, segundo relato de bastidores, uma confiança 100% em Jéferson Luís.

Conta Tudo

E enquanto alguns buscam visibilidade mesmo após as eleições, outros preferem o distanciamento. Marcos Antonio, por exemplo, tem buscado certa reclusão e há indícios até de mudanças de planos em parte de seu ramo empresarial. Outros candidatos que não tiveram êxito em outubro passado buscam ser lembrados em Prefeituras da região para não perderem o “vínculo” com a gestão pública. Mas a tarefa não tem sido fácil.

Conta Tudo

Por aqui, as indicações também estão sendo muito disputadas nos bastidores. Proguaçu, Ouvidoria e até a Secretaria de Obras e Viação são objetos de desejo de muitos políticos que têm usado toda a influência que possuem para garantir essas Pastas. Uma coisa é certa, por enquanto, a exemplo do que ocorreu com Rodrigo Falsetti, os demais secretários ou integrantes do segundo escalão não devem voltar para seus locais de origem até o fim deste ano. O motivo: a famigerada contenção de gastos.

 

trofeu*O troféu “Não sentiram minha falta” vai para o Ouvidor do Município. Zé Roberto do Cartório está afastado há mais de dois meses da função por problemas de saúde, não foi substituído e poucos notaram sua ausência. Nada bom…

Até a semana que vem com mais Conta Tudo!

 

 

Post anterior

Para Cláudia Botelho, esta foi a campanha mais “suja”

Próximo post

Isadora Mariana é campeã paulista de Judô