Home»Conta Tudo»Conta Tudo de sábado, dia 12

Conta Tudo de sábado, dia 12

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Autarquia coração de mãe. Futebol na mira dos políticos e vice-prefeito eleito não aceitando ser coadjuvante. Confira os bastidores da política.

Conta Tudo

Tudo indica que a Proguaçu seguirá abrigando aliados da Administração Municipal. Além de Irene Delfino, quem também deverá marcar ponto na autarquia municipal a partir de 2017 é o vereador Wanderley Brunheroto que se despede da Câmara nesse fim de ano. Acaba sendo tipo coração de mãe.

Conta Tudo

Quem também deve voltar à cena, mas na área esportiva é o ex-vereador Amarildo Constantino. Embora negue a possibilidade, Amarildo tem sido sondado para presidir o Clube Atlético Guaçuano com a iminente saída de Lanza e convocação de novas eleições. Amarildo já atuou no clube durante a gestão de Dr. Paulinho e movimentou o time, pelo menos na parte publicitária.

Conta Tudo

Enquanto isso, Bibi Falsetti e seus dois filhos Paulo e Rodrigo Falsetti, este eleito vereador em outubro, foram fazer uma visita na Federação Paulista de Futebol, nessa semana. Bibi é um dos conselheiros da Federação e costuma ter influência lá dentro. A pergunta mais feita a ele nas redes sociais, após a visita foi: E o Guaçuano volta, Bibi?  Mistério.

Conta Tudo

Os vereadores Jéferson Luís e Luciano Vieira resolveram mostrar suas habilidades futebolísticas. A causa é nobre: arrecadar brinquedos para crianças carentes da cidade no período natalino. A peleja já está definida e será entre Amigos do Vereador Jéferson Luís x Amigos do Vereador Luciano da Saúde. De repente, a moda pega e podemos ter uma nova disputa, por exemplo, entre Amigos do Vereador Alex Tailândia x Amigos do Vereador Ivens Chiarelli. Não ficaria pedra sobre pedra.

Conta Tudo

O vice-prefeito eleito Daniel Rossi tem dito a fontes próximas que não quer ser um vice só de fachada. Ele garante que quer papel de destaque no futuro governo e vai pleitear Secretarias estratégicas como a de Educação e até a de Governo. Isso porque, o vereador quer mostrar serviço para ser o futuro candidato a prefeito em 2020. Só não se sabe ainda se com ou sem o apoio de Walter Caveanha e seu grupo.

trofeu*O troféu “Sem pressa” vai para o prefeito Walter Caveanha. Enquanto em Mogi a relação do futuro secretariado já foi divulgada, por aqui o prefeito prefere concentrar sua atenção no fechamento do exercício financeiro para depois apresentar os nomes, com cautela – e evitar certos dissabores.

Até a semana que vem.

Post anterior

Universitários guaçuanos sofrem arrastão em Campinas

Próximo post

“Benedita Nair” tem apenas um funcionário na limpeza