Home»Cidade»Cerep: há 15 dias, as duas piscinas estão “fechadas”

Cerep: há 15 dias, as duas piscinas estão “fechadas”

Motores e painel de controle da piscina queimaram; larvas foram encontradas

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Do lado de fora já é possível ver o tom esverdeado das piscinas do Centro Esportivo “José Américo Caveanha”, o Cerep, localizado na região do Parque Itacolomy. A cor da água é resultado da falta de tratamento das piscinas. Há 15 dias, os motores e o painel de controle queimaram. Os motivos são ignorados, mas o que se sabe é que os reparos foram providenciados, mas apenas uma das piscinas (a menor) deve ser liberada ainda esta semana.

A água parada sem tratamento resultou também no aparecimento de larvas, conforme observado na manhã de quarta-feira (6) pela equipe da empresa contratada pela Prefeitura para os trabalhos de eliminação de criadouros.  No entanto, é claro, que não se pode afirmar que as larvas sejam do mosquito Aedes aegypti, o transmissor da dengue e da febre chikungunya.

piscina cerepA estimativa da secretária de Esportes e Turismo, Patrícia Guidini, é de que a piscina menor seria liberada ainda na tarde de quarta-feira (6), mas o mesmo não poderia ser dito da outra, de maior porte. “A piscina grande tem quatro motores, dois foram reparados, faltam os outros dois. E não posso afirmar que ficarão prontos até neste final de semana”, detalhou.

Além dos motores, a SET constatou que também foi queimado o painel de controle. O problema no equipamento foi observado após uma pane. No entanto, Patrícia não sabe o que pode ter ocasionado este problema. Quanto às piscinas, a ordem era que ambas continuassem recebendo produtos, evitando a perda da água. “Essa foi orientação dada pela empresa e que foi repassada à equipe”, conta. Por sua vez, os funcionários garantiram à secretária que seguiram à risca a recomendação.

piscina cerep

Post anterior

Presidente do PODEMOS confirma verba para Santa Casa

Próximo post

Artigo: Fim do Atlético Guaçuano: os culpados?