Home»Cidade»Carlos Nelson é reeleito presidente do “Cemmil-Pró Estrada”

Carlos Nelson é reeleito presidente do “Cemmil-Pró Estrada”

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Da Redação

O prefeito de Mogi Mirim, Carlos Nelson Bueno, assumiu, na última semana, mais um mandato como presidente do consórcio intermunicipal “Cemmil-Pró Estrada”. A vice-presidência ficou com o prefeito de Mogi Guaçu, Walter Caveanha.
A nova gestão terá início a partir de 2 de janeiro de 2019 com duração de dois anos, findando em 2020. Os municípios de Leme e Aguaí também integram o consórcio e possuem representantes nos conselhos técnico e fiscal.

Nesse período, as cidades participantes terão direito a utilização de toda a infraestrutura disponibilizada pelo consórcio, abrangendo caminhões, motoniveladora, retroescavadeira e tratores.
Através de sorteio, o primeiro município a usufruir do benefício é Leme, seguido por Mogi Guaçu, na sequência Aguaí e depois Mogi Mirim.

O maquinário deverá permanecer em cada cidade pelo período de três meses. Carlos Nelson enalteceu as atividades realizadas pelo Consórcio e destacou que pretende continuar com o trabalho sério que foi feito até agora. “Sabemos das dificuldades em gerir um consórcio como esse, mas o cuidado com as questões como as estradas rurais será permanente”, definiu.

O prefeito também anunciou que o superintendente continuará sendo o secretário de Meio Ambiente, Ivair Biazotto. “O Ivair tem todo o conhecimento necessário para direcionar o consórcio de maneira eficiente e responsável. Estarei ao lado dele para o que for necessário, mas fico tranquilo em saber que a cidade estará muito bem representada”, concluiu o prefeito.

O município de Estiva Gerbi solicitou a participação no grupo. A permissão está condicionada à adesão ao pagamento das contribuições efetuadas pelas cidades participantes para utilização das máquinas e, não apenas à contratação de funcionários, conforme requerido por Estiva.

DATAS
Confira os períodos com infraestrutura disponibilizada para os municípios:
Leme: 15 de janeiro a 7 de abril de 2019
Mogi Guaçu: 8 de abril a 29 de junho de 2019
Aguaí: 30 de junho a 20 de setembro de 2019
Mogi Mirim: 21 de setembro a 12 de dezembro de 2019

Post anterior

Grupo de Violeiros faz apresentação no Centro Cultural

Próximo post

SOV reconstruirá muro do Camacho