Home»Polícia»Canteiro de flor era usado para esconder drogas

Canteiro de flor era usado para esconder drogas

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Por volta das 21h30 da última quinta-feira (19), o Centro de Comunicação da Guarda (Cecom) recebeu uma denúncia de que um canteiro de flores em frente a uma residência, no Jardim Planalto Verde, era usado para esconder drogas. O entorpecente teria sido deixado no local por dois jovens que estavam em uma bicicleta.

Os guardas Darci e Pelegrino foram averiguar e encontraram um embrulho plástico contendo uma porção de tubetes com cocaína. Foram localizados 12 pinos com cocaína. A droga foi apresentada na delegacia de Polícia Civil para apreensão e destruição do entorpecente.

 

Linha do trem

Horas antes, os guardas Calisto, Acácio e Cassimiro localizaram mais 15 porções de maconha. Eles patrulhavam o Jardim Novo I, quando avistaram dois jovens embrenhando-se no mato assim que avistaram a viatura. Os rapazes correram sentido a linha férrea que passa pelo bairro.

Um dos jovens conseguiu escapar e os guardas detiveram um adolescente de 16 anos. Ele segurava na mão o embrulho com a droga. A mãe do adolescente disse que o filho é usuário de entorpecente e faz tratamento psicológico. Na delegacia, ela assinou um Termo de Compromisso de Responsabilidade que será remetido à Vara da Infância e Juventude, e levou o filho para casa.

Em declaração, o adolescente disse que consumiria as porções com o amigo e que comprou a droga há uma semana no Parque Cidade Nova  e pagou R$ 140. O dinheiro, segundo ele, era da pensão alimentícia paga pelo pai.

Post anterior

Bruna e Elvis

Próximo post

Vereadores anunciam R$ 250 mil para a Santa Casa