Home»Caderno Multi»Biquíni de fita isolante é o ‘boom’ do momento

Biquíni de fita isolante é o ‘boom’ do momento

3
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Desde que Anitta apareceu usando um biquíni de fita isolante colada diretamente no corpo, à peça se tornou febre nacional e caiu no gosto das mulheres que preferem o bronzeamento natural. Em agosto, a cantora gravou o clipe de um de seus mais recentes sucessos, no Morro do Vidigal, no Rio de Janeiro. Anitta surge dançando entre cadeiras de praia em uma laje, onde as mulheres pagam para conseguir a marca de biquíni perfeita.

Embora o ‘boom’ do bronzeamento natural tenha acontecido por causa de Anitta, outras artistas famosas já vinham mostrando em suas redes sociais a preferência pelo biquíni de fita isolante e o resultado que ele traz: a marca de biquíni mais desejada pelas apaixonadas por uma pele bronzeada. A atriz Bruna Marquezini é uma delas.

Antes de Anitta, Bruna já havia se rendido ao biquíni de fita isolante. Na praia, a bela atriz usava a peça pouco usual por baixo do seu próprio biquíni de tecido e, por isso, não precisava ficar exposta ao sol, deitada na areia da praia, já que sua marca de biquíni estava garantida pelo bronzeamento natural.

MARQUINHAS PERFEITAS
Muita água e sol garantem o tom do bronze

multi biquini de fitaMogi Guaçu não tem praia. Mas tem um sol forte e um clima quente que não foram ignorados pela empresária Edna Lopes Nucci. Junto com a filha Renata Alves Buratin, ela trouxe para cá o tão cobiçado bronzeamento natural e, claro, o biquíni de fita isolante. Numa chácara de 1 mil metros, Edna e Renata recebem as clientes que querem exibir a marca de biquíni perfeita e duradoura. O bronzeamento natural garante que a marca conquistada com a fita isolante permanecer intacta na pele por até um ano. Diferentemente do tecido, a fita isola de fato qualquer ação do sol sobre aquela parte da pele e o resultado é a marquinha de biquíni tão desejada por muitas mulheres e também apreciada pelos homens. “Fica uma marca sexy, sem ser vulgar. Inclusive, muitas das nossas clientes são incentivadas pelo marido para que façam o bronzeamento natural. Além da marquinha perfeita, a cor do bronze da pele é outro, mais dourado, bonito. Diferente daquele bronzeamento de quem fica o dia inteiro numa piscina ou na praia”, conta Renata.

E o segredo não está somente no biquíni de fita isolante, mas também na técnica utilizada para o bronzeamento natural. Deitada numa maca, a mulher fica exposta ao sol durante uma hora, no máximo. Com uma toalha cobrindo a cabeça e o rosto da cliente, ela recebe borrifadas de água a cada cinco minutos para manter a pele hidratada e, claro, molhada. Primeiro, a cliente deita de barriga para cima e cada lado do corpo recebe a ação direta do sol por meia hora. “Vamos virando a maca para deixar a cliente na posição certa. A todo instante molhamos o corpo delas e também oferecemos sucos e água para que bebam. A hidratação é fundamental e muita importância”, explicou Edna.

multi biquini de fita

Entre uma sessão e outra de bronzeamento natural é obrigatório que haja o intervalo de pelo menos um dia. E quem tem a pele branquinha também pode se animar. Edna e Renata garantem: a marquinha de biquíni também pode ser conquistada por quem tem a pele clara. “É preciso apenas um pouco mais de paciência, mas o resultado nem demora tanto para aparecer. Por ser um bronzeamento natural feito com a técnica certa, a pele não vai ficar vermelha. Temos clientes de pele branquinha que já exibem suas marquinhas de biquíni”.

RESPONSABILIDADE

Os cuidados na hora de se bronzear

Daí você se pergunta: mas será que tanto sol direto na pele não faz mal? E Edna e Renata têm a resposta na ponta da língua: Não. Cautelosas e atentas, mãe e filha explicam que todos os cuidados são tomados na hora do bronzeamento natural. O primeiro deles é a aplicação do filtro solar em todo o corpo, inclusive no rosto das clientes, pés e mãos. “Usamos o fator 30. Nenhuma delas é liberada por nós para a sessão de bronzeamento natural sem usar o filtro. Nós mesmas passamos no corpo da cliente quando elas chegam aqui”.

multi biquini de fitaOutro cuidado é com a própria fita isolante. Por ser um material que retém calor, a fita esquenta muito e de maneira rápida, por isso, para evitar que queime a pele da cliente, Edna e Renata colocam chumaços de algodão molhado em cima da fita isolante. “Inclusive, alertamos para que não tentem fazer isso em casa, porque pode não dar certo e se tornar um perigo”, frisaram.

Além disso, elas ressaltam que o bronzeamento natural é oferecido por eles apenas nos horários recomendados pelos dermatologistas. Ou seja, no período da manhã, das 7 horas às 10h30/11 horas e, depois, à tarde, a partir das 15h30/16 horas até que o sol vá embora. “É nestes horários que trabalhamos. No horário de sol forte, nem pensar. Também é importante destacar que qualquer doença que a pessoa apresentar na pele ou, mesmo um problema menos grave, não recomendamos o bronzeamento natural”, frisaram.

Para trabalharem com esta prestação de serviços, Edna e Renata frequentaram cursos específicos para o bronzeamento natural. Neles, aprenderam a confeccionar o biquíni de fita isolante. “Temos certificados de conclusão de curso e somos apaixonadas por uma pele bronzeada”.

Para elas, o mais difícil foi aprender a confeccionar o biquíni de fita isolante. “Olhando para este tipo de biquíni parece ser fácil, mas é muito difícil. Brinco dizendo que é praticamente uma obra prima. Temos de tentar habilidade para fazer as ‘voltinhas’ em torno dos seios e na virilha. Tivemos de praticar muito naqueles manequins para conseguirmos dominar a técnica”.

 

Primeira vez

multi biquini de fitaExperimentando pela primeira vez o bronzeamento natural, Mayara Bandeira, 23 anos, casada, estava feliz com o resultado obtido já na primeira sessão. “Ficou muito bom. A marquinha ficou linda demais e vou voltar para outra sessão, nesta semana”, disse ela que teve o biquíni de fita isolante montado diretamente em seu corpo para fazer o traçado da marquinha que escolheu.

O biquíni de fita isolante é descartável. Em cada nova sessão, um novo biquíni é confeccionado por Edna e Renata. Quando a cliente vai à sessão pela primeira vez, a demora em concluir o biquíni chega a 15 minutos. “Porque ela vai nos dizer qual o formato que ela quer. Depois ela aprova ou não a maneira como o biquíni ficou no corpo dela”, explicou Renata.

Mas, a partir da segunda sessão, já com o traçado da marca do biquíni no corpo da cliente, confeccionar o próximo é mais rápido e leva em média cinco/seis minutos. “Porque precisamos apena seguir a mesma marca”, disse Edna. Um rolo de 20 metros de fita isolante monta até três biquínis, mas gasta-se, em média, quatro tipos de largura de fita para montar apenas um único biquíni.

multi biquini de fita

Post anterior

Moisés Coutinho ganha menção honrosa na Argentina

Próximo post

Paulinho Gogó em “Fato Venéreo” no Teatro Tupec