Home»Cidade»Sindicatos farão panfletagem contra reforma

Sindicatos farão panfletagem contra reforma

Nova reunião no Sindicato dos Ceramistas formatou as novas ações na cidade

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Levar informações mais detalhadas à população sobre a Reforma Trabalhista. É o que pretendem os sindicatos com panfletagem e atos públicos que acontecerão ainda este mês. A proposta abrange ainda ida à Câmara dos Vereadores para uso da tribuna livre. Estas novas ações foram traçadas nesta sexta-feira (12).

O ato na região dos Ypês será dia 18, às 19 horas. No dia seguinte, em mesmo horário, os sindicalistas seguem para o Jardim Fantinato. Na Câmara, o grupo estará dia 22, a partir das 19 horas. Estas ações antecedem ato que acontece em Brasília (DF), no dia 24, com organização das centrais sindicais.

Estas ações que acontecem após o manifesto nacional, ocorrido em 28 de abril, e foram apresentadas e ratificadas por lideranças que participaram de reunião realizada na manhã de sexta-feira (12) com os representantes sindicais, na sede do Sindicato dos Ceramistas.

A reunião é tratada como 1º Encontro de Lideranças de Mogi Guaçu contando com Associação de Pastores de Mogi Guaçu, o presidente da Câmara Municipal, Luís Zanco Neto, Associação dos Papeleiros Aposentados, Associação Afro e da advogada Janaína Martini que integra a Associação dos Advogados Trabalhistas de São Paulo.

reuniao sindicatos jair e danielEstas lideranças foram convidadas pelos representantes do Sindicato dos Ceramistas de Mogi Guaçu e Região, Sindiçu (Sindicato dos Servidores Públicos Municipais), Sindicato dos Empregados no Comércio de Mogi Guaçu e Região, Sindicato da Alimentação de Mogi Mirim e Região, Sindicato dos Papeleiros de Mogi Guaçu e Sindicato dos Condutores de Mogi Guaçu e Região, Sindicato dos Metalúrgicos e Apeoesp.

“Depois do movimento analisamos que precisávamos envolver outras lideranças, convidar mais gente para tratar destas reformas que envolvem a população em geral”, explicou o diretor do Sindicato dos Ceramistas, Jair Silvestre. Por sua vez, o presidente do Sindicato da Alimentação, Daniel Constantino Pedro, o Tita, disse que uma moção de apoio já havia sido enviada aos vereadores. “É importante informar a população sobre a Reforma Trabalhista e Reforma da Previdência. E, além disso, mostrar aos eleitores o posicionamento dos vereadores”, disse ressaltando que a moção foi aprovada por unanimidade.

No dia 22, farão uso da tribuna livre da Câmara Municipal a advogada Janaína Martini e o sindicalista Nelson Moreli. Está sendo definida entre as lideranças uma terceira participação.

Post anterior

Ocorrências alertam para ação de ladrões

Próximo post

Guaçuano é destaque como assistente de árbitro