Home»Cidade»Radares: funcionamento continua dependendo de serviços

Radares: funcionamento continua dependendo de serviços

Os equipamentos foram instalados no início do ano e ainda precisam ser aferidos

0
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Os radares das Avenidas Brasil e Suécia, cujo sistema foi instalado há dois meses, ainda não estão em funcionamento porque dependem de ligação de energia e, consequentemente, aferição do Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia). A estimativa da SOV (Secretaria de Obras e Viação) é que este cenário mude a partir da próxima semana.

O responsável pela SOV, Salvador Franceli, disse que a Serget, empresa responsável pelos equipamentos de aferição de velocidade, fará a instalação dos mesmos a partir da próxima semana, pois todo o sistema já está pronto. “Estava demorando porque a Elektro estava alegando questões de ordem operacional, mas já conversei com o Eduardo e ele ficou de agilizar”, disse referindo-se a Eduardo Zornoff, especialista institucional da empresa. O profissional esteve na cidade na semana passada para assinatura de projeto com a Prefeitura.

Feita a ligação de energia, a equipe do Inmetro faz a inspeção, aguardar-se a certificação e inicia-se a fase de testes. Com a instalação dos radares, a velocidade máxima seguirá sendo de 50 km/por hora em ambas as vias.

Post anterior

Enxadristas guaçuanos participam de Circuito

Próximo post

Projeto Guri abre inscrições para concurso de composição