Home»Destaque na Home»Inscrições para concurso da Câmara começam dia 22

Inscrições para concurso da Câmara começam dia 22

De imediato são oferecidas 11 vagas, pois três cargos são para o cadastro reserva

2
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Os candidatos aos 14 cargos do concurso público aberto pela Câmara Municipal de Mogi Guaçu vão poder fazer a inscrição a partir das 8 horas do próximo dia 22 até às 23h59 do dia 4 de junho. De imediato são oferecidas 11 vagas, pois três cargos são para o cadastro reserva.

Para efetuar a inscrição, o candidato deve acessar o site www.sigmarh.com.br, preencher o formulário de inscrição e efetuar o cadastro. Após esta etapa é necessário que o candidato já inscrito imprima o boleto bancário e pague o valor da inscrição em qualquer agência bancária até o dia 5 de junho.

Somente após o pagamento da inscrição é que o candidato estará com sua inscrição confirmada no concurso público da Câmara. Há dois valores de inscrição. Para os empregos que exigem ensino fundamental, ensino médio ou ensino superior completos o valor é de R$ 20. Já para os empregos que exigem o ensino fundamental incompleto é valor da inscrição é de R$ 5.

A prova objetiva- para todos os empregos- tem data prevista para ser realizada no dia 16 de julho. O local e o horário serão divulgados pela Sigmarh no dia 24 de junho. A prova terá duração de três horas.

O concurso público da Câmara guaçuana contempla 14 vagas em 11 empregos. Todos com carga horária de 40 horas semanais, ou seja, oito horas por dia. Os salários variam entre R$ 1.194,74 até R$ 2.690,81.

Zanco
Zanco

São eles: agente de zeladoria (1), oficial de manutenção e reparos (1), agente de segurança (3), mensageiro/operador de copiadora (1), telefonista (2), motorista (cadastro reserva), operador técnico se som e imagem (1), repórter fotográfico (cadastro reserva) e técnico administrativo (cadastro reserva), agente de licitação e contratos (1) e jornalista (1).

De acordo com o presidente da Câmara Municipal de Mogi Guaçu, Luís Zanco Neto, o Zanco da Farmácia (PTC), a expectativa é que o concurso público atraia um bom número de inscritos, já que os empregos oferecidos também asseguram estabilidade de emprego e salário, além de benefícios como plano médico e cesta básica. “Diante dessa crise de desemprego que enfrentamos estes benefícios acabam atraindo muita gente que quer e precisa trabalhar logo. Nossa meta é começar a contratar tão logo o concurso público esteja concluído. O quadro de funcionários da Câmara está defasado e precisamos colocá-lo em ordem o quanto antes”, pontuou Zanco.

Post anterior

Câmara acolhe veto dado pelo prefeito

Próximo post

Tome Nota de terça-feira, dia 16